13 Novas Percepções e Centro de Educação Galáctica

NS 1.26.13.13: Humano Harmônico Amarelo, Kin 252

A partir de hoje, 108 dias dos 144 dias da Recordação Estelar estão completos. Nós estamos na torre do comando da onda encantada da Arte. O Humano Harmônico Amarelo é o sábio que detém o poder de sabedoria do livre arbítrio e é o poder oculto da Noite Solar Vermelha, portadora do ano para 2014-2015.

Dois dias atrás nós adentramos a Temporada Branca de Amor, o ciclo de 65 dias iniciado pelo Cachorro Elétrico Branco. Este ciclo conclui-se no Mago Lunar Branco, Kin 54. Observem que esta Temporada Branca de Amor começou na data Gregoriana 7/7 – 11 da Lua Cósmica (11.13). Ela conclui-se em 9/9 Gregoriano – 18 da Lua Lunar (18.2). Kin 218 é a abertura da tumba de Pacal Votan.

Hoje nos códigos do Synchronotron o Kin equivalente é o Kin 164: Semente Galáctica Amarela, assinatura do ano que nós estamos completando. Agora é o tempo para reflexão e para amarrar as pontas soltas, à medida que nós concluímos este primeiro ano do Novo Feixe, o qual começou com cerimônias de Ressurreição Planetária – ancoradas no Monte Shasta em 26 de Julho de 2013.

Nós estamos preparando-nos para abrir o Segundo Portão de Luz do ciclo de 7 anos (2013-2020) do Novo Feixe, adentrando-nos no Ano Lua Solar Vermelha (26 de Julho de 2014). Este é o ano da sanação suprema. A Lua Solar indica o equilíbrio do yin e yang/energias masculina e feminina requeridas para o equilíbrio de nós mesmos e do nosso planeta.

À luz do código 13.13 de hoje, nós apresentamos as sementes de 13 novas percepções para reflexão.
Esses 13 temas formam a base para um novo currículo de educação galáctica.

13 Novas Percepções

Premissa: Chegou o Tempo para abertamente abraçar e aspirar completamente à natureza cósmica de nossa realidade. Somente elevando nossas mentes dissolveremos as barreiras do eu, tribo, nação, ideologia, cultura, linguagem, ciência e religião. Todos os fatores que nos mantém escravizados ao ego e em guerra com nós mesmos.

Para unificar e criar um Mundo Novo, precisamos de novas percepções. Cabe a nós repensar a forma como as coisas têm sido feitas e criar um sistema de percepção da realidade integral. Os códigos da Lei do Tempo fornecem uma ponte para elevar-nos de nossa consciência terrestre habitual à unidade de Ressonância Universal.

Para mudar e elevar o nível de nossas percepções na raiz, devemos tomar responsabilidade por criar dentro de nós mesmos uma matriz de unidade subjacente. Nós devemos retomar nosso poder e reclamar nossa soberania autônoma. Nós devemos descobrir a história mítica arquetípica que estamos vivendo e moldar nossa vida ao redor disto.

NÓS TEMOS QUE EXPANDIR NOSSAS PERCEPÇÕES SOBRE O QUE É POSSÍVEL!

O que dá forma às nossas percepções? O que faz com que nós percebamos e nos comportemos da forma como fazemos? Nós temos que chegar às causas primordiais das coisas. Para fazer isto, autoinvestigação e autorreflexão são fundamentais e são características principais da noosfera.

O que é Percepção?

Percepção geralmente vem dos nossos cinco sentidos. O dicionário define percepção como: a habilidade de ver, escutar ou tornar-se consciente de algo através dos sentidos. Desta forma, nós recebemos dados brutos através dos nossos cinco sentidos e, então, processamos aquela informação de acordo com nosso sistema de crença condicionado para chegar a uma “percepção”. Este modo de perceber resultou num mundo materialista que promove poder externo como base de “sucesso”.

As estruturas de conhecimento estão, agora, alterando. Nós estamos nos tornando multissensoriais. Nós precisamos de novas palavras para descrever nossa nova experiência. Nós estamos expandindo além da linguagem como a conhecemos, para uma forma de perceber não conceitual. A ordem sincrônica oferece uma nova linguagem galáctica, a linguagem da telepatia, a qual está baseada matematicamente.

Não podemos comparar o que nós estamos nos tornando com quaisquer modelos do passado. Para entender as imagens na tela, primeiro é importante entender a cabine de projeção donde elas vêm.

À luz do Novo Espírito agora alvorecendo, nós lhes convidamos a contemplar estas 13 novas percepções em relação ao feixe de ressurreição de consciência. Registre diariamente seus insights. À medida que vocês visionam, sigam as percepções que lhes trazem maior alegria e entusiasmo. Vocês devem formá-las em perguntas e fazê-las a vocês mesmos.

  • Uma Nova Percepção de Tempo.
  • Uma Nova Percepção de Espaço
  • Uma Nova Percepção de Ciência
  • Uma Nova Percepção de Economia
  • Uma Nova Perceptção de Governo
  • Uma Nova Percepção de Religião
  • Uma Nova Percepção de Arte/Cultura
  • Uma Nova Percepção do Eu
  • Uma Nova Percepção de Relacionamento
  • Uma Nova Percepção de Dieta/Saúde
  • Uma Nova Percepção de Comunidade
  • Uma Nova Percepção de Natureza
  • Uma Nova Percepção de Luz/Consciência Solar

Elevar o nível da consciência da Terra é o propósito para ativar estas 13 Novas Percepções, as quais são a base do plano de 7-Anos e do novo currículo educacional galáctico. Quanto nós podemos, como um coletivo, transformar nós mesmos e o planeta em 7 anos? Em 13? Em 20? Em 104.000?

Centro de Educação Galáctica

Atualmente, um propósito visionário está sendo preparado para um Centro de Educação Galáctica nos EUA (Costa Oeste), para ser, também, replicado no Hemisfério Sul (Brasil). Este centro incluirá um novo currículo educacional compreensivo que é holístico e integrativo, sintetizando as muitas facetas do conhecimento humano e reformulando-o através de lentes tetra/penta-dimensionais.

A premissa básica deste modelo é que a maioria dos problemas no nosso planeta, hoje, deriva de pensamento fragmentado e desconexão da Fonte.

O objetivo destes centros é fornecer um cubo educacional para as pessoas imergirem na ordem sincrônica enquanto aprendem como aterrar estes ensinamentos de um modo prático para criar magia em suas vidas diárias. O Centro está, também, vislumbrado como um centro global estético modelo e think tank onde novos diálogos são forjados com referência às implicações das tecnologias telepáticas em relação aos interesses ambientais tais como ar, água e questões de aterros. Também é vislumbrado um time global de longo alcance para unificar com outras organizações e comunidades de novos paradigmas existentes mundo afora.

Esses centros promoverão Cultura Galáctica como a cultura da integridade; a cultura da luz baseada nos princípios de Amor, Arte, Tempo e Sincronicidades.

REVISÃO DO TEMPO (Maia Galáctico)

1987-1992, Campanha pela Nova Terra (começando com a Convergência Harmônica). A Convergência Harmônica começou um despertar ressonante de 26 anos do nosso planeta, o qual culminou no Monte Shasta com o Novo Feixe acelerando o corpo de luz codificado pela Nave do Tempo Terra.
1992-2000, Nave do Tempo, Movimento/Plano Mundial de Paz e Mudança para o Calendário de 13 Luas, seguido pelos Sete Anos da Profecia.
2000-2004, Campanha pelo Novo Tempo.
2004-2011, Sete Anos do Mistério da Pedra. Publicação dos 7 Volumes das Crônicas da História Cósmica.

2012-2013, Encerramento do Ciclo/Sincronização Galáctica. Entrada do novo Feixe Galáctico.
2013-2020, Ciclo de 7 Anos do Novo Humano Solar — Ancorando a Visão. Lançamento do Comando Telepático e Programa de Unificação da Nave do Tempo Terra. 7 Anos para Construir a Ponte Arco-Íris e Ancorar Cultura Galáctica na Terra. Por 2015—Ano do Mago Planetário Branco — Manifestar o Centro de Educação Galáctica.
2020-2033, Ciclo de 13 para Estabelecer a Noosfera da Nave do Tempo Terra. Rede Telepática Planetária em plena operação. Por 2033—Ano da Tormenta Magnética Azul —Banco Psi da Noosfera plenamente operativo. Raça Humana funcionando como um organismo único.
Fractal de 26-anos do Novo Feixe: 2013-2039
… Considerando a Terra como um sistema inteiro, nós devemos, agora, tomar responsabilidade pelos pensamentos que criamos que carregam o campo mental ou camada de pensamento da Terra com as verdadeiras causas de tudo que aflige a nós e ao planeta atualmente.
Não apenas devemos tomar responsabilidade por nossos próprios pensamentos, devemos, também, dar-nos conta da relatividade de nosso pensamento e nossas suposições em relação aos pensamentos e suposições de todos os outros – e talvez repensar nosso programa inteiro – Valum Votan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *